Dinheiro em A??o

Bndes contrata bancos para vender a??es da petrobras

Crédito: Divulga??o

彩民彩票平台A Petrobras divulgou em fato relevante no último dia 6 de janeiro: que o BNDES contratou os bancos que ir?o atuar como institui??es intermediárias na potencial venda de até a totalidade das a??es ordinárias de emiss?o da Petrobras de sua titularidade, por meio de uma oferta pública de distribui??o secundária de a??es, com esfor?os amplos de distribui??o no Brasil e no exterior. Entre as institui??es convidadas est?o Bank of America, BB Banco de Investimento, Bradesco BBI, Citigroup Global Markets Brasil, Credit Suisse, Goldman Sachs, Merrill Lynch, Morgan Stanley e XP Investimentos. Adicionalmente, como etapa preparatória para essa opera??o, a Petrobras informou que arquivou junto à Securities and Exchange Commission (SEC) o formulário F-3 referente à totalidade das a??es, documento necessário para que o BNDES possa realizar uma oferta registrada nos Estados Unidos, formulário que ainda será analisado pela SEC.

EDUCA??O
A
nima fará aumento de capital de R$ 1 bilh?o?

彩民彩票平台A ?nima Educa??o deverá fazer uma oferta subseqüente de a??es (follow-on), e para essa opera??o convidou quatro institui??es – Bradesco BBI, Itaú BBA, J.P. Morgan e XP Investimentos. A opera??o visa levantar cerca de R$ 1 bilh?o. De acordo com relatório da casa de análise Levante, a oferta da ?nima será primária, ou seja, com recursos para o caixa. Segundo a Guide Investimentos, a opera??o está em linha com os planos de crescimento da empresa, que deve utilizar o dinheiro para intensificar sua expans?o, via aquisi??es.

ALIMENTOS
Santander recomenda compra de papéis da Marfrig

O Santander recomendou a compra de Marfrig ON. O pre?o alvo foi elevado de R$ 12 para R$ 16 por a??o. O papel fechou cotado a R$ 10,40 com alta de 3,07% no último dia 7. Em relatório, a XP Investimentos citou que os incêndios na Austrália afetam o gado, com impacto positivo para frigoríficos brasileiros.

SEGUROS
Caixa faz parceria com a Tokio Marine

Antes de seu IPO, a Caixa Seguridade fechou uma parceria de 20 anos com a Tokio Marine nos ramos de seguros habitacional e residencial na rede de atendimento da Caixa Econ?mica Federal. Segundo comunicado do banco estatal, a Caixa Seguridade terá, por meio de sua subsidiária integral, 75% de participa??o no capital total da nova sociedade, sendo titular de 49,99% das a??es ordinárias e 100% das a??es preferenciais. A Tokio Marine terá 25% do capital total, detendo 50,01% das a??es ordinárias. No final da opera??o, a Tokio Marine deverá desembolsar R$ 1,52 bilh?o, valor que será repassado à Caixa pela outorga concedida.

Divulga??o

DESTAQUE NO PREG?O
Iguatemi avan?a em Porto Alegre

彩民彩票平台A Iguatemi anunciou a aquisi??o, por R$ 123 milh?es, de 47% da Maiojama Participa??es, que por sua vez detém 14% do Shopping Iguatemi Porto Alegre, da Iguatemi Business Tower (torre corporativa anexa ao shopping), e da Administradora Gaúcha. Com a transa??o, a participa??o da Iguatemi nos ativos mencionados aumentou de 36% para 42,58%. Segundo a XP Investimentos apesar de se tratar de uma transa??o relativamente pequena (1,3% do valor de mercado da Iguatemi e uma adi??o de menos de 5% da área bruta locável própria da empresa), a transa??o está alinhada com o discurso da companhia de aumentar sua relevancia nos ativos atuais e foi feita em um múltiplo atrativo. Além disso, o ativo em quest?o (Iguatemi Porto Alegre) está entre os mais relevantes em termos de receita de aluguel. “Esperamos uma rea??o marginalmente positiva das a??es”, disse a XP, em relatório.

MEIOS DE PAGAMENTOS
Mongeral Aegon lan?a MAG Finan?as

Em evento realizado no Rio de Janeiro na última semana, o Grupo Mongeral Aegon lan?ou a MAG Finan?as. A nova empresa nasce como uma institui??o de pagamentos que oferecerá aos seus clientes servi?os como conta digital, cart?o pré-pago internacional, pagamento de contas, recarga de celular, transferência via TED e entre contas da institui??o. Em entrevista à DINHEIRO, Raphael Barreto, CFO da Mongeral Aegon contou que a fintech será “atrativa aos clientes” do grupo (2 milh?es de pessoas relacionadas como corretores e parceiros), e terá, por exemplo, taxa zero para abertura e manuten??o da conta digital, saques, TEDs e boletos para depósito em conta. Os clientes também poder?o solicitar a emiss?o do primeiro cart?o pré-pago internacional da bandeira Mastercard gratuitamente e a sua manuten??o sem o pagamento de anuidade.

Quem é Thiago Alvarez: Graduado em Administra??o pela UnB /Gerente Sênior de Engajamento McKinsey & Company/ CEO Guiabolso (Crédito:Divulga??o)

O brasileiro precisava conhecer como funciona a rela??o com o dinheiro para investir

Desenvolvido para funcionar como um aplicativo personal trainer das finan?as para tornar mais ágil o modo como as pessoas lidam com dinheiro e acessam produtos financeiros, o Guiabolso organiza as contas sem a pessoa ter de anotar os gastos. Além disso, faz a curadoria de produtos financeiros de acordo com o perfil de cada cliente. Até 2015 o foco do Guiabolso foi aprimorar o produto já existente e a partir daí vieram os agregados. Hoje há empréstimo pessoal e, após a ades?o dos bancos (2017 e 2018), passou a oferecer também cart?o de crédito.

Como é abrir portas em meio a um cenário dominado por institui??es financeiras?
Ouvirmos 60 “n?os” antes de conseguir a primeira rodada de investimentos. éramos meninos tentando adentrar em um local habitado somente por bancos. Aparentemente, era impossível, mas em 2012 conseguimos o primeiro grupo de investidores que apostaram na nossa miss?o. Ainda nesta fase de testes do que seria o produto Guiabolso, lan?amos o site onde as pessoas colocavam seus gastos e ganhos, e nós oferecíamos uma consultoria. A ideia era aprender bastante sobre como o brasileiro entende suas finan?as. Foi ent?o que desenvolvemos a tecnologia para reunir em um só lugar os dados de contas e cart?es das pessoas.

A capta??o de dados foi instantanea?
N?o. é complicado você confiar em colocar seus dados bancários em um aplicativo que vai analisar seu extrato. Foi através de algumas tentativas de oferecer op??es para diminuir a tendência de endividamento da popula??o e a falta de conhecimento que o brasileiro tinha sobre planejamento financeiro. O objetivo era transformar a rela??o do cliente com o dinheiro, empoderá-lo oferecendo transparência e informa??o para a tomada de decis?o. Com estas constata??es, os cadastros cresceram.

E como sustentar e desenvolver o produto?
O aplicativo foi uma grande sacada: no fim de 2014 já tínhamos 260 mil usuários, ou como gostamos de falar, 260 mil histórias de pessoas melhorando suas vidas. Também foi o ano em que recebemos a quarta rodada de investimentos e ent?o come?amos a desenvolver a plataforma de crédito para auxiliar as pessoas a saírem de dívidas caras como cheque especial e cart?o de crédito. Já 2016 foi de consolida??es: encerramos com 3,1 milh?es de pessoas usando o Guiabolso e a plataforma de crédito passou a ofertar produtos de bancos e financeiras de peso, institui??es que aceitaram o desafio conosco. Em mais uma supera??o, 2017 foi o ano de fecharmos a quinta e maior rodada de investimento e batermos 3,8 milh?es de usuários.

Para 2020 o que a empresa prepara?
Temos 6 milh?es de usuários cadastrados na plataforma e de 2014 para cá já recebemos R$ 215 milh?es em cinco rodadas de investimentos. O Guiabolso hoje oferece produtos em três áreas e tem 12 parceiros.
O objetivo é encerrar o ano com outros sete novos.

Divulga??o

Creditas avan?a em consignado privado

Amaior fintech brasileira de empréstimo com garantia come?ou tímida como um comparador de produtos financeiros para facilitar o acesso às melhores taxas e condi??es. A história iniciou com a indica??o de clientes de crédito com garantia de imóvel aos parceiros da Creditas. Depois, em 2014, avan?ou na indica??o de clientes de crédito com garantia de veículos. Somente em 2015 veio a primeira rodada de investimento: a Creditas captou um total de R$ 25 milh?es de grandes investidores internacionais que se interessaram pelo negócio. Foi aí que a empresa se desenvolveu e em 2017 conquistou dois fundos de investimentos exclusivos e teve duas rodadas captando R$ 250 milh?es de grandes grupos de venture capital globais. O primeiro bilh?o em solicita??es de crédito veio em 2018 e a marca bateu os R$ 500 milh?es emprestados. Trabalhando na diversidade das fontes de recursos, a Creditas foi considerada em 2018 a segunda startup mais desejada pelos brasileiros no ranking internacional LinkedIn Top Startups. “No ano passado anunciamos nossa rodada de investimento no montante de R$ 900 milh?es liderada pelo grupo japonês SoftBank, fizemos a aquisi??o da Creditoo, uma plataforma on-line de empréstimo consignado para funcionários de empresas privadas”, afirma o Fabio Zvidil, VP de Desenvolvimento de Negócios da Creditas. “E 2020 será o ano de nosso grande investimento: o empréstimo consignado privado que vai desenvolver produtos para facilitar este tipo de transa??o.”

Número da semana

彩民彩票平台11% é o percentual de brasileiros que têm condi??es de pagar as despesas de início de ano como mostra a pesquisa realizada pela Confedera??o Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) e pelo Servi?o de Prote??o ao Crédito (SPC Brasil). De acordo com o levantamento, 26% dos entrevistados economizaram nas festas e com as compras de Natal para conseguir pagar as despesas sazonais desta época. Outros 21% guardaram ao menos parte do 13o salário para honrar os compromissos, ao passo que 17% disseram ter montado uma reserva ao longo de 2019 para cobrir os gastos no futuro. A pesquisa encomendada pela CNDL e pelo SPC conseguiu apurar também que 22% dos entrevistados n?o fizeram qualquer planejamento para pagar esses compromissos em 2020. Outra descoberta foi de que 14% dos entrevistados realizaram trabalhos eventuais (bicos) como forma de complementar o or?amento doméstico mensal.

Mercado em números

48%
é o percentual de fintechs que dobraram de tamanho em 2019, segundo dados da Associa??o Brasileira de Fintechs (ABFintechs). O levantamento também mostra que mais de um quarto delas vai dominar tecnologias de biometria e gest?o de identidades em 2020. Entre os destaques est?o os segmentos de meios de pagamento (22,4%) e de crédito (21%), que continuam sendo os setores com mais fintechs atuantes.

20%
é o percentual de brasileiros que têm conta em banco digital, segundo a Fiserv. A escolha é mais predominante entre os consumidores de 18 a 34 anos, que representam 21% do total. Entre os 600 brasileiros entrevistados para a pesquisa, 43% preferem interagir com a sua principal organiza??o financeira via aplicativos, 25% por internet banking e apenas 16% optam por agências físicas.

50%
Foi o crescimento de volume transacionado de cart?es pré-pagos em 2019 na compara??o com 2018, segundo análise realizada pela Agillitas, empresa especializada em solu??es de pagamentos e emissora de cart?es pré-pagos. O comportamento de uso variou de acordo com o pilar de cada produto. No caso do cart?o corporativo, os gastos ficaram concentrados em postos de gasolina (18%), restaurantes e alimenta??o (14%), hotéis e despesas com passagens (11%). E o valor médio registrado nas transa??es foi R$ 120.